Johnny Manziel e Seus Hábitos Prejudica-o?

Até agora, você já deve ter muito ouvido falar desse nome, Johnny Manziel, para muitos uns dos principais rookies a ser lapidado, mas será que ele é tudo isso? Leia Mais

Slide # 2

Saldo dessa Free Agency - Perdas

Muitas perdas importantes aconteceram nessa Free Agency, a maioria não foi reposta, a última chance de isso acontecer é o Draft Leai Mais

Mudanças Bruscas - NEW YORK GIANTS

O New York Giants se movimentou bastante nessa Free Agency, contratando bastante jogadores, com uma média de idade baixa, perto de 28 anos. Leia Mais

Slide # 4

Quem o Colts deve escolher nesse Draft?

O Temos algumas prioridades como OL e defesa... Leia Mais

Slide # 5

Tennessee Titans – Setor Ofensivo 2014

Não é segredo para os amantes da NFL e os fãs dos Titans que o foco da franquia nessa temporada é a reformulação das duas primeiras linhas defensivas. Leia Mais

terça-feira, 25 de março de 2014

Saldo dessa Free Agency - Perdas

Muitas perdas importantes aconteceram nessa Free Agency, a maioria não foi reposta, a última chance de isso acontecer é o Draft, mas não é uma garantia, segue as principais perdas da equipe ate agora.

Saída:

Steve Smith (WR): Um dos principais nomes da historia da franquia teve seu legado encerrado nessa ultima semana, depois de uma temporada inconsistente, foi cortado pelo alto salário que iria receber nessa próxima temporada, para suprir sua perda os Panthers tem que selecionar um ótimo recebedor nesse Draft. 
Números na temporada passada: Rec: 64
     Yds: 745
                                                                TDs: 4
Impacto no teto salarial: Em torno de 10 milhões de dólares.

Brandon LaFell (WR): Na minha opinião o melhor recebedor dos Panthers nessa temporada, um erro não terem renovado com esse jogador, muito veloz e também vem evoluindo a cada temporada, vejo poucos jogadores que podem suprir sua perda no draft(me refiro a segunda rodada, pois a primeira será para suprir a perda de Steve Smith), teria o potencial para ser um dos melhores se não o melhor recebedor do time.
 Números na temporada passada: Rec: 49
     Yds: 627
                                                                TDs: 5
Impacto no teto salarial: Em torno de 1,500 milhões de dólares.

Ted Ginn Jr (WR): Um bom recebedor teve sua melhor temporada desde que entrou na liga, mas pediu mais do que valia e os Panthers não quiseram investir nele, sua perda não causará muito impacto, já que as contratações feitas podem jogar iguais ou até melhor do que ele.
Números na temporada passada: Rec: 36
     Yds: 556
                                                                TDs: 5
Impacto no teto salarial: Em torno de 1,100 milhões de dólares.

Mike Mitchell (FS): Jogador muito versátil, teve sua melhor temporada desde que entrou na NFL, devido ao pouco espaço no teto salarial os Panthers não renovaram com o jogador, não vejo ninguém no elenco que possa suprir sua perda, acho que isso só acontecerá na próxima temporada e se acontecer
Números na temporada passada: Tckl: 66
     Int: 4
     FF: 2
Impacto no teto salarial: Em torno de 1 milhão de dólares.

Captain Munnerlyn (CB): Jogador muito versátil teve uma boa temporada, mas também não tinha como ser ajustado no teto salarial da equipe, uma perda muito importante nem tanto pelo CB que era, mas sim pela versatilidade que tinha, podia atuar em varias posições, sua perda pode ser suprida no Draft.
Números na temporada passada: Tckl: 74
     Int: 2
     FF: 1
Impacto no teto salarial: Em torno de 1,1 milhão de dólares.


segunda-feira, 24 de março de 2014

Mudanças Bruscas - NEW YORK GIANTS

         O New York Giants se movimentou bastante nessa Free Agency, contratando bastante jogadores, com uma média de idade baixa, perto de 28 anos. Mesmo com a saída de Justin Tuck e Hakeem Nicks, o time se reforçou bem, principalmente na secundária,  com contratações como Dominique Rodgers-Cromartie, Walter Thurmond e Quintin Demps (Deve ser mais usado em retornos), além da linha ofensival, com a contratação de 3 jogadores, Geoff Schwartz, J.D Walton e John Jerry.
          Mario Manningham também voltou ao time em contrato de 1 ano, após dois anos lesionado e praticamente sem tempo de jogo em São Francisco, mas não deve ser a principal adição para a posição de WR, sem grandes avanços por parte de Rueben Randle, o time precisa de alguém bem mais fisico e perigoso para jogar com Cruz, e com um draft cheio de opções, não vejo razão para se passar nesse WR por causa de Manningham, que vem de lesão. Armas para Eli Manning vêm ficando escassas, principalmente na posição de TE, com Brandon Myers indo para o Bucs e Bear Pascoe ainda um Free Agent, pode ser que esse TE venha pelo Draft, possivelmente em uma pick alta, nao me surpreenderia se vissemos Eric Ebron indo na 12 escolha, ou Troy Niklas no 2 round. Linval Joseph é outro que, assim como Tick, saiu de nossa linha defensiva, e agora é a hora para que Damontre Moore e Johnathan Hankins mostrem que jogadores são, aparecendo bem para o time.
         O recém-contratado Rashad Jennings, deve ser o RB titular e Coughlin e Mara, acham que pode ser aquele power back que procuramos à algum tempo, e jogando ao lado de Wilson e Hillis, pode causar certo perigo.
          Noticias saem, sobre jogadores cujo o Giants poderia estar interessado, como Mark Sanchez e Robert Ayers, mas segundo John Mara, o dono do time, os gastos do time na Free Agency estão praticamente acabados, e agora é esperar o draft, uma outra boa oportunidade de melhorar o time com novos jogadores. Hoje, o Giants recebeu uma compensatory pick de 5 round, ou seja, passamos a ter, novamente, 7 escolhas, com duas de 5 round (no ano passado, a escolha do time nesse round foi o S Cooper Taylor).
         Muita gente vem falando que essa, está sendo a melhor offseason sobre o comando de Jerry Reese e Tom Coughlin, ou seja desde 2004. Muitas contratações de peso foram feitas, assim como recontratações, como a de Jon Beason. Resta saber se essas adições faram bem ao time, e nos levaram de volta ao topo da NFL,  aos playoffs! GO GIANTS!





Mark Sanchez no Eagles?

O Philadelphia Eagles acaba de adquirir um novo quarterback (não oficialmente). O nome da vez é Mark Sanchez, o jogador foi draftado em 2009 com a 5ª escolha, desde então, Sanchez mostrou um bom trabalho, quando ele tinha um Offensive Line boa, quando ele tinha um top Running Back.
O produto da universidade de USC levou o New York Jets a duas finais de conferencia, perdendo ambas, uma do Pisttsburgh Steelers e outra do New England Patriots.
O Eagles seria uma oportunidade fantástica para Sanchez mostrar seu trabalho, o HC do Eagles Chip Kelly, vem fazendo um ótimo trabalho com QB's. Kelly tornou Nick Foles um grande QB da liga, nada que não possa fazer com Mark Sanchez.
Mark perdeu seu espaço ano passado para o QB Geno Smith, que foi selecionado no Draft de 2013. Geno vinha mostrando um bom trabalho nos training camps, após a lesão de Sanchez, Smith se firmou como titular.
O interesse intenso do time da Philadelphia surpreende, porque o Eagles elaborou um produto da universidade de USC Matt Barkley na quarta rodada do Draft de 2013.
Sanchez sofrendo o "buttfumble"
Em teoria, ele parece pronto para ser o QB2 do Eagles e dar uma concorrencia ao QB1 Nick Foles.
Sanchez depende de exames para ser oficialmente contratado, pois sofreu uma lesão no ombro direito na pré temporada do ano passado contra o New York Giants, que o fez perder a temporada de 2012. Se Chip Kelly não pode estabilizar a carreira de Mark Sanchez, ninguém pode.
Sanchez é muito conhecido pelo seu "buttfumble", onde ele foi fazer uma jogada de corrida e bateu com a cara na bunda de seu companheiro de equipe.
 Uma curiosidade da contratação é que o ex-QB do Eagles Michael Vick assinou com o New York Jets, e Sanchez ex-QB do Jets assinou com o Eagles.
Michael Vick cumprimentando o Mark Sanchez

Tennessee Titans – Setor Ofensivo 2014

Não é segredo para os amantes da NFL e os fãs dos Titans que o foco da franquia nessa temporada é
a reformulação das duas primeiras linhas defensivas. Isso aliado a falta de consistência e problemas
extra-campo de alguns recebedores, somado ainda a perca de peças ofensivas importantes, o setor
ofensivo todo está em cheque nessa temporada. Vamos falar de Jake Locker, a mudança de kicker,
do corpo de runningbacks e dos receivers que foram acionados pelo menos10 vezes nessa última
temporada, e mostrar a contribuição que cada um deu, o que podem oferecer e o que todos os fãs
dos Titans esperam deles nessa temporada!


Jake Locker (Quarterback)

Certamente essa temporada será o divisor de águas para o futuro do Quarterback na NFL.
Ainda sem emplacar uma boa temporada Locker apanhou muito das defesas adversárias e ficou
Fora de metade da temporada por conta de contusões. Lançou em 2013 para 1256 jardas, 8 TD's e
4 interceptações. Mesmo a linha ofensiva sendo um desastre é muito pouco para um Quarterback
que custou a 8ª escolha de 1ª rodada do draft. A franquia vem buscando reforçar a linha ofensiva
estuda algumas soluções no free agent e via draft. Michael Oher já veio de Baltimore e assinou
novo contrato e temos muitos talentos à disposição nesse draft, porém não se pode cobrar e nem se
esperar muito dos calouros, Locker vai ter de demonstrar algo mais nessa temporada já que o novo
técnico Ken Whisenhunt trouxe seu QB de confiança Charlie Whitehurst para backup.


Kicker, como a maioria dos fãs sabem os Titans dispensaram o veterano kicker Rob Bironas, após 9
temporadas. O jogador de 36 anos já não era tão consistente e vinha de temporadas não muito boas.
Em 2013 até que melhorou seu desempenho, mas agora o time precisava abrir mão de alguns atletas
para liberar espaço no teto salarial e Bironas foi um corte a ser feito. Bom para a torcida brasileira
já que Maikon Bonani é o único kicker no rost dos Titans. Outra boa notícia que deixa todos
otimistas é que o próprio auxiliar técnico chamou a responsabilidade e é famoso por desenvolver
kickers como Ryan Succop e Dan Carpenter. Sorte ao brasileiro que já fez uma pré temporada e está habituado com o ambiente em Tennessee!

Runningbacks

Shonn Greene
O ex jogador dos Jets fez ano passado sua primeira temporada na equipe dos Titans. Não muito
importante enquanto segundo runningback do time sua importância nessa temporada é vital para
a franquia, caso não emplaque, Greene pode sobrecarregar o corpo de receivers e transformar
os Titans em um time previsível. Com modestos números e algumas contusões durante essa
temporada deixamos para efeito de registo que ele correu 77 vezes para 295 jardas e 4 TD's.
Saudável e em boa forma muito pode se esperar de Shonn Greene, com 28 anos ele pode mesclar
sua experiência e explosão física para fazer uma temporada tão boa quanto as que antecederam sua
chegada em Nashville. Vale lembrar que ele chegou em 2013 vindo de 2 temporadas seguidas
correndo pra mais de 1000 jardas em New York, o que se espera é que ele retribua o voto de
confiança da franquia em mantê-lo como runningback principal nessa temporada.
Sobre Jackie Battle, o veterano runningback foi o terceiro no rost da franquia de Tennessee ano
passado. Sendo assim pouca coisa temos a acrescentar dele, a não ser que se Shonn Greenne não
emplacar ou se contundir durante a temporada, provavelmente o jogo terrestre vai contar mais
com a oração dos torcedores de Tennessee do que com os veteranos Battle e Leon Washington.
Rumores e mais rumores apontam que no draft caso o RB de Auburn Tre Mason for ficando para
depois, lá pela 4ª ou 5ª rodada a equipe poderia recrutá-lo e trabalhar para desenvolver o prospect.


Receivers

Nate Washington, veterano de 10 tempor
adas teve um 2013 bem satisfatório dentro do que ele
ofereceu nas suas temporadas anteriores da NFL.
Com 58 recepções, 919 jardas e 3 TD's fez a segunda melhor temporada de sua carreira em jardas
recebidas e se mostrou seguro como um alvo consistente que contribuiu conquistando importantes
downs e movendo as correntes em momentos decisivos! O valor da sua experiência e sua eficiência
no extra campo é de extremo valor, bem querido por todos do time essa temporada certamente
funcionará como mentor dos jovens talentos do sistema ofensivo de Tennessee!

Delanie Walker, o TE de 29 anos caiu como uma luva no setor ofensivo de Tennessee.
Mostrou sua já conhecida competência defendendo e surpreendeu atacando!
Após 7 temporadas jogando pelos 49ers ele fez de longe sua temporada mais brilhante
ofensivamente nos Titans ano passado. Com 60 recepções, sendo 6 delas para TD ele ainda
acumulou perto de 600 jardas recebidas nessa temporada. Também é um alvo consistente
(principalmente na red zone) e certamente sua experiência agrega muito ao jovem e promissor
corpo de receivers da franquia.

Damian Williams, o 5º anista de apenas 25 anos passou longe de sua melhor temporada (2011)
quando recebeu 45 vezes para 592 jardas e 5 TD's.
No seu conturbado 2013 ele jogou para 15 recepções acumulando apenas 178 jardas, nenhum TD e
2 fumbles. Por indisciplina/problemas extra-campo não jogou da rodada 10 até o fim da temporada.
A chegada de Ken Whisenhunt pode trazer nova motivação ao atleta que fez história em USC e foi
a 13ª escolha da 3ª rodada do draft em 2010. Jovem talento que ganha novo voto de confiança de
um novo técnico.

Justin Hunter foi a grata surpresa de 2013, o calouro de 22 anos teve mais chances de aparecer na
reta final da temporada (quando Damian Williams foi desligado do time). Sua velocidade foi fator
determinante e fez com que ele se tornasse o principal alvo nas bigplays de Tennessee. Suas 18
recepções para impressionantes 354 jardas e 4 TD's surpreendem não só pela absurda média de 19,7
jardas por tentativa, mas pela maturidade e segurança que o calouro mostrou para equipe e para
torcida. Infelizmente uma lesão o tirou das duas últimas partidas da temporada, mas todos estão de
olho e vem otimistas acreditando em um prospect que tem tudo para se firmar na liga e mostrar seu
valor!

Kendall Wright, o também jovem receiver que era o alvo preferido de Robert Griffin III em Baylor,
mostrou na sua segunda temporada que é o melhor receiver do time. Alvo mais acionado pelos
Quarterbacks de Tennessee ele recebeu 94 vezes para 2 TD's e foi o unico receiver do time a
ultrapassar a marca de 1000 jardas recebidas. Receiver mais acionado de 2013, ele tem tudo para
ser ainda mais solicitado nessa temporada e certamente ele vai ultrapassar aquela barreira entre
jogador promessa e jogadores que já são realidade na liga!
Dexter McCluster, a nova aposta de Tennessee contribui não só para o corpo de recebedores,
também ganhamos um dos melhores talentos em especial teams (Kick return e Punt return) e
jogadas explosivas com muitas jardas após a recepção. Não é segredo que Ken Whisenhunt
desejava um jogador rápido para fazer esse tipo de jogada, cumprindo a mesma função que os

Chargers confiaram ao RB Danny Woodhead em 2013. Nessa última temporada Chris Johnson

recebeu 42 vezes para 345 jardas e 4 TD's nessa mesma função que McCluster deve cumprir
(apesar de ser receiver). Mas falando da temporada de McCluster ela foi a melhor dele na liga.
Foram 53 recepções, 511 jardas, 2 recepções para TD e mais 2 punts retornados para TD. Foi peça
fundamental na boa campanha dos Chiefs, que ainda contavam com o mítico Jamaal Charles (que
foi o que mais correu e mais recebeu no time) e o astro receiver Dwayne Bowe.


É um tanto quanto irônico falar que estamos vindo de uma temporada 7-9 de um time que jogou
metade dela com o segundo Quarterback, que tinha a defesa toda desarrumada, um time todo
remendado, um jogo corrido que só funcionou da metade da temporada pra frente e agora que
estamos arrumando a casa não sermos mais otimistas ainda com relação aos resultados. O que
podemos esperar é um time novo, com vários prospects determinados e muita gente motivada e
disposta a mostrar serviço! As demais novidades da NFL e dos Titans você encontra aqui e no

Twitter, não se esqueçam de seguir o @TitansBR e usar #TitansBR #TitansUP!

Free agency do saints

                                             PODEMOS CHAMAR DE FREAK AGENCY!!!





Olha que Pós-temporada do time de Nova orleans viu,mandando isso embora :

CB Jabari Greer
 S  Malcom  Jenkins
 S  Roman Harper
RT Zach Strief
 LB Parys  Haralson
C  Brian De la Puente
LT  Charles  Brown
 DE Tom Jonhson
WR Robert Meachem
WR Lance Moore
DE Kenyon  Coleman
RB Darren Sproles
FB Jed Collins.      

 
                       Entre outros free agents que está no meu primeiro post.Mas o time disse que esses já eram a maioria jogadores veteranos que não iam ter espaço no time em 2014.







E o maior problema óbvio que foi o TE Jimmy Graham,o jogador queria renovar seu contrato com o time ,mas o não conseguia ,Graham não queria aceitar a franchise tag que ele recebeu ,acha que merece um salário d
e WR não de TE ,mas no final ele continuará recebendo passes do Drew Brees por mais um ano,mas no momento qualquer time pode pegar o jogador só que o saints só troca o jogador por duas picks de PRIMEIRO ROUND!!!,mais um pouco de dinheiro,então nenhum time esta disposto a pagar esse preço,boatos dizem que o Packers esta dispostos mas pouco provável.






E para a ultima parte desse post a melhor a parte as contratações do saints ,o time parecia que ia se
dar mau tinha aproximadamente um milhão e meio de cap,os torcedores não tinham esperança de uma boa contratação,mas no primeiro dia do período de Free Agency BOOOOM!! O time pegou para alguns o melhor jogador da free agency o ex S do Bil
ls Jairus Byrd ,um contrato caaaaro ,6 anos por 54 ou 57 milhões não tenho certeza (me corrigem depois) e várias renovações de contrato por um ano ,mas depois de Byrd nada demais na free agency.


Entao aqui esta meu resumo da pó temporada do saints,então WhoDatNation prontos para o draft e a temporada











Análise da agitada Offseason do Jaguars

Sem dúvidas essa offseason foi boa para o Jaguars. Não só conseguiu trocar o Gabbert por uma escolha de 6a rodada (até agora estou perplexo) , como fez ótimas contratações na Free Agency. A estratégia do GM Dave Caldwell foi fazer contratos com garantias apenas nos 2 primeiros anos, deixando bem claro que pra continuar na equipe terá que render, já que a dispensa não teria custos após o 1o/2o ano.

Jogadores que saíram/UFAs:
QB - Blaine Gabbert (SF - Troca por escolha de 6a rodada)
RB - Maurice Jones-Drew (UFA, mas não deve voltar)
RB - Justin Forsett (UFA)
RB - Delone Carter (UFA)
WR - Price Taylor (SEA)
C - Brad Meester (aposentado)
G - Uche Nwaneri (dispensado)
DT - Brandon Deadrick (UFA)
DT - Kyle Love (UFA)

Agora vamos às principais contratações:



QB - Chad Henne

Contrato: 2014 - 5.75M Cap Hit (4.5M garantidos)
                2015 - 3.5M

Apesar de ser um fraco titular, Henne é um bom reserva e uma boa presença no vestiário. Sua renovação serve para que o Jaguars não se sinta na obrigação escolher um QB com a 3a escolha se não gostar dos que estiverem disponíveis ou se preferir um jogador como Clowney, Mack ou até mesmo Watkins. Além disso, é uma boa opção caso o QB rookie escolhido não esteja pronto pra ser titular (melhor deixá-lo aprendendo no banco do que queimá-lo).

Estatísticas de 2013:

3241 Jardas
60.6% Passes Completados
13 TD
14 INT 
76.5 QB Rating


RB - Toby Gerhart

Contrato: 2014 - 4M (4.5M garantidos)
                2015 - 3M (500 mil garantidos)
                2016 - 3.5M

Na sombra do melhor running back da NFL, Gerhart não teve muitas oportunidades, porém, nas poucas que teve, mostrou qualidade. Em Stanford ele brilhou, sendo forte candidato ao Heisman, mas deu azar de ser escolhido no draft pelo time que menos precisava de um RB. É um contrato de baixo risco, terá sua chance de provar se pode ser um lead back.

Estatísticas de 2013:

36 Tentativas
283 Jardas (136 Após Contato)
7.9 Jardas/Corridas
2 TD
14 Erros de Tackles Forçados
1 Fumble
13 Recepções
88 Jardas


OG - Zane Beadles

Contrato: 2014 - 7.5M (9.745M garantidos)
                2015 - 5M (2M garantidos)
                2016 - 5.5M
                2017 - 6M
                2018 - 6M

Quando vi o valor do contrato achei que tinha pago em excesso, mas vendo a estrutura percebe-se que a garantia é paga nos 2 primeiros anos, enquanto o Jags tem espaço salarial de sobra. Após ir ao Pro Bowl em 2012, Beadles fez uma má temporada, sendo o elo fraco da OL de Peyton Manning (melhor amigo de qualquer offensive lineman). O isolado sack cedido é uma estatística enganosa, suas 42 pressões cedidas ao QB são a 4a pior marca entre todos os guards. No Jaguars ele jogará no esquema que mais se sente confortável (Zone Blocking Scheme), tem tudo pra melhorar esses números.

Estatísticas de 2013:

1223 Snaps
42 Pressões Cedidas no QB
1 Sack
9 QB Hits
32 QB Hurries
-7.6 PFF Grade no Pass Block
+3.0 PFF Grade no Screen Block
-3.4 PFF Grade no Run Block


DE - Chris Clemons

Contrato: 2014 - 5.1875M (4.475M garantidos)
                2015 - 4.5M
                2016 - 4M
                2017 - 4M

Depois de um excelente 2012 (11 Sacks / 11 Hits / 37 Hurries / 3 FF), Clemons teve seu rendimento limitado por uma lesão e as chegadas de Bennett e Avril, que o fez dividir snaps. Nos playoffs Clemons mostrou que ainda tem muita lenha pra queimar, terminando com uma magnífica performance no Super Bowl (1 Sack / 1 Hit / 4 Hurries / 2 FF). É uma excelente adição de pass rusher, algo que faltava no Jaguars.

Estatísticas de 2013:

583 Snaps
41 Pressões no QB
5 Sacks
8 QB Hits
28 QB Hurries
3 Desvios de Passe
15 Tackles (3 Ass)
11 Run Stops
1 Fumble Forçado
+1.4 PFF Grade no Pass Rush
-5.8 PFF Grade no Run Support


DE - Red Bryant

Contrato: 2014 - 5.46875M (4.725M garantidos)
                2015 - 4.25M
                2016 - 4.75M
                2017 - 4.75M

Bryant perdeu espaço no Seahawks devido à intensa rotação na DL. É um excelente "run stuffer" e um líder no vestiário, mas não espere por sacks, essa não é a função dele.

Estatísticas de 2013:

488 Snaps
21 Pressões no QB
2 Sacks
4 QB Hits
15 QB Hurries
3 Desvios de Passe
26 Tackles (7 Ass)
24 Run Stops
-3.8 PFF Grade no Pass Rush
+10.6 PFF Grade no Run Support


DE - Jason Babin

Contrato: 2014 - 3.1M (500 mil garantidos)
                2015 - 2.425M
                2016 - 2.425M

Três dias após optar por sair do contrato, Babin re-assinou com o Jaguars por um preço bem menor. Continua sendo um ótimo pass-rusher e deve ter sua eficiência otimizada com a nova rotação na DL. Deve entrar em campo para situações de passe e terceira descida.

Estatísticas de 2013:

779 Snaps
58 Pressões no QB
8 Sacks
17 QB Hits
33 QB Hurries
27 Tackles (5 Ass)
25 Run Stops
3 Fumbles Forçados
+5.1 PFF Grade no Pass Rush
- 3.8 PFF Grade no Run Support


DT - Ziggy Hood

Contrato: 2014 - 4.025M (4M garantidos)
                2015 - 3.975M
                2016 - 3.5M
                2017 - 4.5M

Apesar de ser uma escolha de 1o round, Hood nunca correspondeu às expectativas. Como o próprio Gus disse, essa é uma contratação feita de acordo com a projeção que eles tem para o Hood no esquema do Jaguars. Ele foi péssimo como DE 3-4 no Steelers, mas o staff do Jaguars o vê como um encaixe melhor para DT 4-3. Espero que estejam certos.

Estatísticas de 2013:

646 Snaps
19 Pressões no QB
3 Sacks
2 QB Hits
14 QB Hurries
27 Tackles (7 Ass)
26 Run Stops
1 Fumble Recuperado
-10.6 PFF Grade no Pass Rush
-7.1 PFF Grade no Run Support


OLB - Dekoda Watson

Contrato: 2014 - 2M (1.5M garantidos)
                2015 - 2.25M (500 mil garantidos)
                2016 - 2M

Muito atlético e excelente special teamer, Watson foi subutilizado pelo Buccaneers. Chega pra tomar a posição de Sam LB de Russell Allen e também pode ser usado em algumas situações como Leo (pass rusher). Uma contratação de baixo risco/alta recompensa.

Estatísticas de 2013:

263 Snaps
7 Pressões no QB
2 Sacks
2 QB Hits
3 QB Hurries
28 Tackles (6 Ass)
17 Run Stops
1 Fumble Forçado
1 Fumble Recuperado
11-13 Recepções Permitidas-Targets
104 Jardas
0 TD
1 INT
+1.5 PFF Grade no Pass Rush
+0.3 PFF Grade no Pass Coverage
+3.1 PFF Grade no Run Support


CB - Will Blackmon

Contrato: 2014 - 1.18M (50 mil garantidos)
                2015 - 1.045M

Um corner barato e muito bom no apoio contra corrida. Foi muito bem quando jogou no lado oposto de Alan Ball, mas deve jogar como nickel, deixando o talentoso rookie Dwayne Gratz na ponta.

Estatísticas de 2013:

682 Snaps
37-56 Recepções Permitidas-Targets
604 Jardas
5 TD
1 INT
8 Passes Defendidos
40 Tackles (10 Ass)
14 Run Stops
2 Fumbles Forçados
1 Fumble Recuperado
1 TD Defensivo
-0.2 PFF Grade no Pass Coverage
+5.1 PFF Grade no Run Support


Outras contratações:

WR - Tandon Doss

Contrato: 2014 - 702.5 mil (50 mil garantidos)
                2015 - 802.5 mil

Bom special teamer e vai disputar com Ace Sanders o papel de retornador de punts


TE - Clay Harbor

Contrato: 2014 - 1.5M (1.45M garantidos)
                2015 - 1.5M

Bom reserva pro Lewis e alvo na End Zone, além de jogar no special teams


OT - Cameron Bradfield

Contrato: 2014 - 1.65M (1.225M garantidos)
                2015 - 1.75M

Boa opção de reserva para Joeckel e Pasztor


OT - Sam Young

Contrato: 2014 - 780 mil (50 mil garantidos)
                2015 - 795 mil


Esse só faz número mesmo

As movimentações do Detroit Lions nesta Off Season de 2014.

As renovações, contratações e as dispensas feitas pelo Detroit Lions nesta Off Season de 2014.

As renovações feitas pelo Detroit Lions:
RB Joique Bell principal renovação do Lions nesta Off Season.
RB Joique Bell: Contrato de 3 anos por 9,3 milhões de dólares, "Importantíssima renovação, ótimo RB".
WR Kris Durham: Contrato de 1 ano por 645 mil dólares.
WR Kevin Ogletree: Contrato de 1 ano por 795 mil dólares.
WR Jeremy Ross: Contrato de 1 ano por 480 mil dólares
TE Matt Veldman: Contrato de 1 ano por 405 mil dólares.
CB Chris Greenwood: Contrato de 1 ano por 480 mil dólares.
LB Julian Stanford: Contrato de 1 ano por 570 mil dólares.

As contratações feitas pelo Detroit Lions:
WR Golden Tate chega para fazer uma dupla explosiva com Calvin "Megatron" Johnson.
QB Dan Orlovsky: Contrato de 1 ano por 855 mil dólares.WR Golden Tate: Contrato de 5 anos por 31 milhões de dólares.
FB Jed Collins: Contrato de 1 ano (valor não divulgado).
TE Brandow Pettigrew: Contrato de 4 anos por 16 milhões de dólares.
DE Darry Tapp: Contrato de 3 anos por 2,4 milhões de dólares.
DE Vaughn Martin: Contrato de 1 ano por 795 mil dólares.

As dispensas feitas pelo Detroit Lions:

S Louis Delmas principal dispensa desta Off Season liberou um bom dinheiro no CAP do Lions.

QB Shaun Hill: Foi para o S.t Louis Rams.
S Louis Delmas: Foi para o Miami Dolphins.
WR Nate Burleson:  Foi para o Cleveland Browns.
S Don Carey: Está sem equipe, sem especulações..
LS Don Muhlbach: Está sem equipe, sem especulações.

Estatísticas dos destaques desta Off Season em 2013:
Golden Tate:
64 Recepções.
898 Jardas.
5 Touchdowns.
14.0 Jardas por carregada.

Joique Bell:
166 Carregadas.
650 Jardas.
8 Touchdowns.
3.9 Jardas por carregada.

Louis Delmas:
64 Tackles.
2.0 Sacks.
8 Passes Defendidos.
3 Interceptações.

Resumindo, o Lions está fazendo uma boa Off Season, dispensou jogadores que não estavam rendendo de acordo com o seu salario, contratou jogadores que provavelmente vão corresponder em um futuro próximo para a franquia e fez boas renovações, de peças importantes para o elenco do time, enfim, é uma boa Off Season ate agora do Detroit Lions, espero que continue, e que a renovação do SUUHH saia logo para completar uma boa Off Season antes do Draft em Abril.

Siga Nós no Twitter Para Saber Tudo Sobre o Lions https://twitter.com/Lions_Brazil

domingo, 23 de março de 2014

Saldo dessa Free Agency - Contratações - Carolina Panthers

Os Panthers não se mexeram muito nessa Free Agency, o pouco espaço no teto salarial foi principal problema, foram poucas contratações, algumas boas, mas nenhuma de peso. Segue minha análise das principais contratações até agora.

Entrada:

Jerricho Cotchery (WR): Escolhido na quarta rodada do Draft de 2004 pelos Jets se tornou um bom recebedor, mas não vem para ser o principal da equipe, tem números de WR número 2 ou 3, vem de uma boa temporada em Pittsburgh e pode suprir a perda de Brandon LaFell, será muito importante para os Panthers nessa temporada.
Números na temporada passada: Rec: 46
     Yds: 602
                                                                TDs: 10
Contrato: 5 anos 8 milhões de dólares.

Tiquan Underwood (WR): Escolhido na sétima rodada do Draft 2009 pelos Jaguars vem de duas temporadas consistentes pelos Bucs, um bom jogador para compor o roster, aos 27 anos pode ser importante e surpreendente, mas não espero muita coisa dele, só o tempo dirá do que ele é capaz, se tiver uma boa temporada pode suprir a perda de Ted Ginn Jr.
Números na temporada passada: Rec: 24
     Yds: 440
                                                                TDs: 4
Contrato: 2 anos TBA.

Roman Harper (SS): Escolhido na segunda rodada do Draft de 2006 pelos Saint é um jogador muito experiente, já ganhou Super Bowl, e pode ser um exemplo para os novos jogadores, grande chance de ser titular, mas para isso tem que estar saudável, bom jogador pode melhorar a secundaria do time de Charlotte.
Números na temporada passada: Tckl: 39
     Int: 1
Contrato: 2 anos 4,5 milhões de dólares.

Antoine Carson (CB): Escolhido na primeira rodada do Draft de 2008 pelos Chargers já jogou com o técnico Ron Rivera, vem de uma péssima temporada, com poucas oportunidades, não produziu quase nada, já teve boas temporadas e pode ser importante para a equipe, pode ser até titular, não é tão versátil quanto Captain Munnerlyn, mas como CB pode suprir sua perda.
Números na temporada passada: Tckl: 14
     Int: 2
Contrato: 1 ano 795 mil dólares.


A Novela D. Jackson.


O WR DeSean Jackson é uma peça chave no ataque do Eagles e para muitos, seria uma atitude grotesca libera-lo, mas não é. O Jackson recebe muito para fazer pouco, ele é o WR1, teve uma de suas melhores carreiras, mas ele não é o alvo principal do QB Nick Foles. Rolam muitos boatos que o HC Chip Kelly ligou várias vezes pro WR e Jackson não atendeu as ligações e nem as retornou, Jackson é um cara didícil pro vestiário e para a nova filosofia implantada por Kelly nos bastidores. 
Seria até interessante troca-lo, e trazer um WR no Draft, mas muitas dessas informações, que vem de jornalistas americanos, não são verdadeiras. Os dias de DeSean na Philadelphia parecem estar contados, afinal, segundo fontes próximas ao jogador, nem ele acredita que estará de volta na próxima temporada. Na temporada regular, no jogo contra o Minnesota Vikings, Desean teve uma briga feia com o treinador de WR's Bob Bicknell, o ex-Eagles WR Jason Avant, era o meio termo entre os dois, mas agora, ele se foi, ou Kelly dá o tão conhecido "CHEGA" no Jackson, ou libera. Na minha opinião, agora que o NY Jets assinou com o ex águia QB Michael Vick, seria uma grande possibilidade ele ir para o Jets, agora que eles estão montando um bom time. Eu quero que ele fique e ao mesmo tempo acho que o ciclo dele acabou, não sabemos se ele quer ou não ficar. No Instagram , ele vem postando fotos com o QB do Carolina Panthers Cam Newton, e agora QB do Jets, Michael Vick. Deixaremos você antenado com as noticias das águias aqui no Nation, e #FlyEaglesFly

sábado, 22 de março de 2014

Offseason e Free Agency do Colts!

Esses ultimos dias foram só loucura por parte dos times da NFL, vou falar como foi a do Colts.


Arthur Jones assinando com o Colts!


CONTRATAÇÕES


LB D'Qwell Jackson: A nossa primeira contratação foi o LB D'Qwell Jackson que jogava no Cleveland Browns, ele veio pra fazer a função que o LB Pat Angerer fazia (ou tentava), que é parar o jogo corrido junto com o LB Jerrell Freeman. Promete ser uma excelente dupla de ILB's.


DE/DT Arthur Jones: Foi a nossa maior e melhor contratação nessa offseason, Jones é um velho conhecido do nosso HC Chuck Pagano, ele era DC do Ravens (time onde Jones jogava). Ele veio para também parar o jogo corrido e pressionar o QB.


WR Hakeem Nicks: WR não era a nossa necessidade, mas sempre é bom trazer um experiente WR com SB na bagagem, Nicks vem pra disputar a posição de WR2 com TY Hilton e também para tirar um pouco da pressão sobre o Reggie Wayne e até mesmo sobre o TY.


C/G Phil Costa: Vem pra ser backup, joga tanto de center como de guard. A principio ele é backup, vamos ver ao longo da offseason como o nosso staff vai por ele no time.




                                                                                                                                                                   
>>>>>> Nessa periodo de Free Agency também teve polemica, o nosso owner Jim Irsay foi preso após dirigir sob efeito de remedios de tarja preta. Irsay ja foi internado em uma clinica de reabilitação.
                                                                                                                                                                   





RENOVAÇÕES


K Adam Vinatieri: 2yr/5M

RB Ahmad Bradshaw: 1yr/815mil + bonus

CB Vontae Davis: 4yr/39M

P Pat McAfee: 4yr/14M


NÃO RENOVARAM/DISPENSADOS


RB Donald Brown: Foi pro San Diego Chargers.

S Antoine Bethea: Foi pro San Francisco 49ers

LB Pat Angerer: Ainda sem time.

LB Kavell Conner: Foi pro San Diego Chargers.

WR Darrius Heyward-Bey: Ainda sem time

C Samsom Satele: Ainda sem time.

OL Jeff Linkenbach: Foi pro Kansas City Chiefs.







Essas foram as principais noticias dessa Free Agency!


Para mais informações sigam no Twitter > @ColtsNewsBR 

#GOCOLTS!


Michael Vick nos Jets, Sanchez fora, uma nova batalha em New York e DeSean Jackson agindo "loucamente"

No começo da  noite de sexta feira (21/03) o New York Jets anunciou oficialmente o corte do jogador de 27 anos Mark Sanchez.

O jogador vinha sofrendo questionamentos da mídia e de sua torcida a algum tempo. Mark Sanchez ocupava um alto salário, onde prejudicava o teto salarial de sua equipe, foi marcado por uma das jogadas mais decepcionantes da liga, apelidada de "Butt Fumble" em jogo contra o New England Patriots em pleno MetLife Stadium e todas essas circunstancias vieram a culminar em sua saída dos Jets.

Mark Sanchez passou a temporada inteira de 2013 na Sideline devido a uma lesão em seu ombro que custou a sua temporada, e viu de perto Geno Smith fazer um recorde de (8-8) na sua temporada de Rookie na liga.

Mark Sanchez passou por cirurgias em meio a temporada de 2013 mas mesmo assim ele é um jogador saudável para essa outra  temporada em sua nova casa, não importa onde esteja. E você tem ideia sobre onde Sanchez irá jogar? As possibilidades mais plausíveis são: Buffalo Bills, Tennessee Titans, Oakland Raiders, Minnesota Vikings, Arizona Cardinals, St. Louis Rams  e por fim Cleveland Browns.

Após o corte de Sanchez, não demorou muito, instantaneamente os Jets anunciava oficialmente a vinda de Michael Vick (ex- Eagles e Falcons) como seu novo QB, assinando com os Jets por 1 ano valendo 5 milhões de dólares.

Essa contratação tem dois lados, muitos acham que trazer Vick não afastará os problemas da franquia, e sim trazer mais problemas. Mas pra alguns a vinda de Michael Vick para os Jets, trará uma competição entre QB alucinante, onde um poderá melhorar o outro.

Michael Vick disse que conversou com Geno e que eles conversaram que um vai querer tirar o melhor do outro, e que eles são amigos, e que vão fazer uma batalha amigavel pra ser o QB1.

Vick desmentiu o rumor que ele queria de qualquer custo o número 7 que está com Geno Smith, e falando sobre isso ainda disse, "Smith é o starter do Jets, estou lá pra melhorar a qualidade do time, e ser uma opção, mas também quero entrar em campo e mostrar o meu melhor."

Fechando o assunto de Vick, rumores sobre DeSean Jackson

O jogador embalou uma série de tuítes se não muito estranhas, muito interrogativa deem uma olhada:





Pode até soar estranho, mas que DeSean Jackson começou a se manisfestar, sendo ele Cam Newton ou Michael Vick. Tudo menos Nick Foles.

Estratégia clara, uma das coisas, eu tenho certeza, ele não fica em Philadelphia.

A Free Agency do San Francisco 49ers

A imagem mais marcante da free agency em San Francisco

Passou o turbilhão. Embora ainda haja alguns nomes interessantes sem time ou na iminência de serem trocados/dispensados, já dá pra dizer que a maior parte do frenesi em torno da free agency acabou. Se bem que também é possível dizer que toda essa agitação sequer chegou à Bay Area, ou ao menos ao lado vermelho e dourado dela.

Os 49ers foram discretos e não correram atrás dos grandes nomes que circularam pelo mercado. No nosso twitter alguns torcedores reclamaram da postura conservadora de Jim Harbaugh e Treent Baalke, mas ela faz sentido sim. O motivo disso é bem simples: o teto salarial. 

No dia 1º de junho será contabilizada a dispensa de Carlos Rogers, o que deixará os Niners cerca de 11 milhões de dólares abaixo do teto, dinheiro que seria suficiente para trazer uma estrela ou dois bons jogadores (para efeito de comparação, Darrelle Revis receberá 12 milhões em New England este ano). Por que então não investir em reforços? A resposta vem na free agency de 2015.

Daqui a um ano, vários jogadores dos 49ers se tornarão free agents, incluindo os seguintes: Colin Kaepernick (conforme abordado no nosso último post), Michael Crabtree, Aldon Smith e Mike Iupati. Só de ver os nomes, você já deve ter percebido que vai muito dinheiro embora. É bastante razoável a possibilidade de algum deles não ter seu contrato renovado, ou que algum veterano com alto salário (Frank Gore? Justin Smith?) seja dispensado para abrir espaço.

Tendo em vista este cenário, Baalke e Harbaugh fizeram apenas contratações pontuais, repondo algumas das perdas e mantendo outros jogadores importantes. Nos próximos parágrafos listaremos quem assinou com os 49ers, fazendo um breve comentário sobre as aquisições e dando uma nota, que vai de 0 a 10.



Anquan Boldin, WR (2 anos, US$ 12 milhões) - Com a lesão de Crabtree em 2013, Boldin assumiu o posto de WR #1, e se mostrou fundamental ao time. Os 49ers acertam em cheio ao manter o veterano, e com um contrato bem digno, tanto em tempo quanto em valores. Nota 9.

Phil Dawson, K (2 anos, US$ 6,1 milhões) - Phil Dawson foi outro jogador importantíssimo em 2013, e seu contrato deveria ser renovado. Ponto. Mas uma coisa me intriga nessa renovação: o tempo de contrato. Dawson está perto do fim da carreira e talvez possa entrar em declínio, o que até seria natural (vide David Akers, ótimo em 2011 e péssimo em 2012). Talvez um contrato de 1 ano fosse o mais indicado para um jogador de 39 anos. Nota 7,5.

Eric Wright, CB (1 ano, US$ 855 mil) - Eric Wright pouco fez em 2013, mas com as saídas de Carlos Rogers e Tarrell Brown, deve ganhar mais tempo de jogo. Ele sempre foi visto como um jogador talentoso, mas não emplacou em Tampa Bay por causa de problemas extra-campo. Se Wright não aproveitar esta nova chance, ao menos não atrapalha as finanças do time. Nota 7.

Antoine Bethea, SS (4 anos, US$ 21 milhões) - A mais cara das contratações, Bethea vem para substituir Donte Whitner, de saída para o Cleveland Browns. Pelo valor do contrato, e considerando a temporada ruim do jogador no Indianapolis Colts, muita gente considerou a contratação ruim. Não penso igual. É fato que Bethea está em má fase, mas tem um estilo de jogo que se encaixa bem na defesa dos 49ers. É um pouco melhor na cobertura do que Whitner (o que ajudará Eric Reid e os cornerbacks) e comete menos faltas, apesar de ser menos hard hitter. Isso, em tese, prejudicaria um pouco a defesa contra a corrida, mas a qualidade do front seven não deve fazer com que isso surta muito efeito. Nota 7.

Chris Cook, CB (1 ano, US$ 730 mil) - Situação parecida com a de Eric Wright, com a diferennça que Cook jamais demonstrou um potencial maior em Minnesota. E a conclusão é a mesma: se não ajudar o time, ao menos não compromete. Nota 6.

Blaine Gabbert, QB (via troca com o Jacksonville Jaguars) - Não entendi essa. O time precisava de um QB reserva, é verdade. Mas abrir mão de uma escolha do draft (6ª rodada) por um jogador com pouca experiência e que jamais correspondeu as expectativas na Florida, enquanto outros jogadores mais tarimbados poderiam vir como Free Agents, não me pareceu a melhor das decisões. Pra completar, Gabbert vai ganhar US$ 1 milhão a mais do que o QB titular, Colin Kaepernick. Nota 4.

Jonathan Martin, OL (via troca com o Miami Dolphins) - Martin era titular dos Dolphins até abandonar o time por sofrer bullying. Ele vem para os 49ers em troca de uma escolha de 7º round no draft de 2015 para Miami. Mas essa escolha só será enviada caso Martin passe pelos cortes do training camp e pré-temporada e chegue ao elenco final, e seu contrato não tem nenhum dinheiro garantido. Ou seja: se Martin já estiver com a cabeça no lugar, os 49ers ganham um talentoso jogador para a OL por um baixissimo custo. Caso contrário, o time não perde rigorosamente nada. Excelente movimento da diretoria. Nota 10.

domingo, 16 de março de 2014

Free Agency e Idzik e sua cautela prejudica? - New York Jets

É uma incógnita dizer agora se isso pode prejudicar os Jets, mas o que se sabe é que o seu GM , não movimentou muito a conta bancária do Jets.

Até o fechamento dessa coluna o New York Jets assinou com dois jogadores.

Eric Decker após receber o passe
Eric Decker (WR ex-Broncos) uma excelente contratação de longo prazo fortalecendo o seu ataque, simplesmente um dos mais, se não o mais, badalado nome de WR em Free Agency nessa temporada, quanto a ele todos os elogios faltaria. Portanto ÓTIMA contratação.
A segundo contratação foi um pouco menor, mas de boa qualidade para fortalecer os Jets.
Se trata de Breno Giacomini (OT ex-Seahawks) nascido nos Estados Unidos mas de filhos brasileiros, mesmo sendo um jogador forte e alto, tem como principais características sua explosão o que torna muito útil para as formações com FB, HB e RB quanto pra proteção de Geno Smith, dando a possibilidade de um maior tempo, onde o nosso QB teve um bom desempenho.

E renovou com os seguintes jogadores:

Jeff Cumberland (TE) que vem sendo uma grande aposta não só em New York mas sim em todos os lugares, vem sendo apontado um dos melhores TEs para essa atual temporada.
Jermaine Cunningham (DE) é uma renovação pontual, de baixo valor (e também não é um jogador que esperamos muito, mas foi bem.
Leger Douzable (DT) outra contratação pontual sem muitos valores (mas alto pra mim) mas  não agrada muito pois já passou por varias equipes e não rendeu nunca.
Calvin Pace (OL) Ótima contratação por 2 anos, foi fundamental para o Jets na temporada passada, e se tudo ocorrer bem irá nos ajudar muito em nossa jornada.
Nick Bellore (IL) contração restrita (RFA). Bom jogador, esperamos que tenha um futuro no Jets.
Nick Folk (K) primeira e ótima renovaçaõ, um excelente Kicker, virou xôdo em New York, é considerado um dos melhores na temporada passada, ganhando alguns jogos devido a sua presença.

O que tem pra acontecer?

Cromatie Inteceptandoem jogo contra os Dolphins
Não sabemos o que se passa na cabeça de nosso GM John Idzik, mas parece que os Jets estão pensando em re-contratar o CB Antonio Cromartie que mesmo não indo muito bem, ainda acende a esperança dos torcedores.
E com essa possibilidade acende as esperanças de termos Santonio Holmes que assim como Cromartie quer ficar em New York, mas não há muitas especulações sobre isso, só uma possibilidade de imaginar o que se passa na cabeça de Idzik.
E contratações de Dominique Rodgers-Cromartie, que muitos dizem estar com o seu pé direito nos Jets, mesmo após não ter assinado com o Jets no final da tarde de sábado.
A vinda de um outro WR também é bastante especulada pelá mídia, mas até o momento momento não temos notícias quem seria muitos dizem estar entre James Jones que já manisfestou querer jogar no Panthers por causa de Cam. E com isso a esperança de termos o nosso #10 de volta cresce a cada dia.



PARCERIA: Fumblecast Episódio 033

A Nation em parceria com os amigos do site fumblecast.com.br irá trazer a cada novo Podcast  que fizerem uma publicação aqui.

Eles abordam todas as notícias da NFL e agora sobre a A11FL (A11) que daqui a um ano iniciará seus jogos sendo o campeonato de verão (nosso inverno) que virá suprir a falta de Football Americano nesses mês. Lembrando a todos que em breve a Nation terá novidades sobre essa nova liga aqui.

De um jeito prazeroso e de fácil compreensão eles abordam as notícias do mundo do Football, fazendo você ficar antenado e também por dentro de tudo.

Links:

Postagem: http://fumblecast.com.br/?p=509

Podcast em: http://youtuner.co/s/26643

sábado, 15 de março de 2014

O que pode mudar com o novo OC Ben McAdoo

     Após a aposentadoria do nosso OC Kevin Gilbride logo no início dessa offseason, os Giants nomearam Ben McAdoo, ex-técnico de QBs e TEs do Green Bay Packers, o encarregado de consertar  o ataque do time, após uma temporada onde, como disse nosso Owner John Mara, que estava quebrado. Mas o que mudará sobre o comando de McAdoo ?
     McAdoo está vindo de um ataque West Coast, em Green Bay, e deve trazer um pouco dele aos Giants. Sabe o que isso significa ? Mais passes curtos em rotas rápidas pelos WR, um uso bem maior dos RBs no jogo aéreo, como em Screen Passes e também uma utilização maior do TE, para bloqueios e rotas mais longas, o FB também deve ser mais utilizado, como é John Kuhn no Packers, em jogadas aéreas, bloqueios ou até corridas para poucas distâncias como em uma quarta descida para uma jarda. Mas o sistema West Coast, segundo McAdoo em uma entrevista, não fará com que Eli pare de lançar bolas longas, onde sabemos que ele é um dos melhores da NFL, mas sim, trará um maior problema aos adversários, que não saberão se Manning lançará uma bola rápida ou uma mais longa, devido também à mudança de formação que deve acontecer.
      A OL também deve sofrer algumas transformações em sua formação, já que a movimentação será diferente, com muito mais jogadas corridas em iso formation, onde o FB fica em frente ao RB para bloquear e este corre pelo meio, se utilizando de velocidade e força, passando as trincheiras. Com isso os OG devem ter de avançar mais para o segundo nível e bloquear os LBs abrindo espaço para Rashad Jennings, David Wilson e companhia correrem.
     Sabemos que Eli nunca aprendeu um novo playbook e não é um QB dos mais móveis, mas uma das características do sistema o qual Ben deve implantar é um pouco de mobilidade e passes fora do pocket, como Aaron Rodgers fazia tão bem. Eli pode fazer esses passes tão bem quanto Rodgers, mas a quantidade de jogadas nesse estilo deve ser diminuída nos Giants.
     McAdoo traz muito para o ataque, que deve melhorar na próxima temporada, Eli deve se dar bem no novo sistema, onde é menos exigido e o ataque do time pode voltar a ser o que era quando ganhamos o Superbowl.



sexta-feira, 14 de março de 2014

Contratações - Philadelphia Eagles

O Philadelphia Eagles, nesse começo de Free Agency, anunciaram boas contratações para o time, nas posições que mais precisava, vou listar as contratações e comentar sobre elas:


- Chris Maragos (S/ST): O Maragos, é um jogador, muito importante no Special Teams, mas quer mostrar
seu potencial como Safety. A secundária do time da Philadelphia era bem fraca, se Maragos se destacar como Safety, pode ganhar espaço em uma equipe que não tem uma secundaria muito forte. Tem um contrato de 3 anos.

- Malcolm Jenkins (S): Jenkins, não fez uma temporada de 2013 muito boa em New Orleans, mas, em sua coletiva de imprensa, disse que pode ser o "Quarterback da defesa", é um cara muito emotivo, que pode mudar o jogo com seu grito, é alto, e tem uma boa cobertura no passe e bons tackles, uma excelente aquisição para a equipe. Tem um contrato de 3 anos.



Jenkins e sua camisa de jogo.
- Nolan Caroll (CB): Um atleta de 27 anos, escolhido no 5º round do Draft de 2010, foi muito elogiado pelos especialistas pela temporada de 2013, Carroll é um jogador que o Eagles observa há um bom tempo. Carroll veio para ajudar um grupo bom de CBs, mas que sofreu com lesões. Nolan totalizou 35 tackles, 23 passes desviados, 5 interceptações, um sack forçado e um fumble forçado. Tem um contrato de 2 anos

- Brian Braman (LB/ST): Braman é muito alto, muito forte, loiro e muito louco, quando criança tentou dar um tackle num hidrante, hahaha. Ele provavelmente irá ser o capitão do Special Teams, ele é claramente um jogador de equipes especiais, tem poucos snaps alinhado com LB, mas, Chip Kelly é muito inteligente, pode fazer dele um bom LB. Tem um contrato de 2 anos.

Sproles e sua camisa de jogo.
- Darren Sproles (RB): Um dos RBs mais dinâmicos da liga, Sproles chega para se tornar mais uma excelente arma no ataque explosivo da cidade do amor fraternal, tanto saindo do backfield quanto recebendo passes. O Eagles já tinha, talvez, o melhor ataque terrestre e um dos melhores ataques da liga, agora, com certeza, dará muito mais trabalho com o Sproles. Darren foi trocado por uma escolha de 5º round do Draft de 2014, o New Orleans Saints não tinha muito o que fazer, ou eles aceitavam a proposta ou dispensavam o jogador. Sproles, é visto por muitos como um excelente Returner, onde o Eagles tinha uma deficiência em 2013. Sproles vai jogar como running back reserva, slot receiver e returner. Tem um contrato de 3 anos.








QUE TODOS SEJAM MUITO BEM VINDOS A EAGLES NATION!

Hakeem Nicks é o mais novo WR do Colts!

Nessa sexta feira o Indianapolis Colts acertou um contrato de 1 ano com o WR Hakeem Nicks!


Nicks vem pra fazer o papel que Darrius Heyward-Bey não fez na temporada passada. Com ele o não precisaremos forçar tanto o Wayne e nem o TY Hilton, não acho que era uma contratação que precisavamos, mas é sempre bem vindo um WR pra ajudar o Luck.



Nicks comemorando um TD quando jogava no Giants.


O contrato dele é de 1 ano e vale cerca de 3,5M (mais incentivos) de Dólares.



Com a chegada de Nicks, o corpo de recebedores do Colts fica assim: 



Reggie Wayne
TY Hilton
Hakeem Nicks
Da'Rick Rogers
Griff Whalen
LaVon Brazill